Como detetar problemas no motor do carro

6 min

Como detetar problemas no motor do carro?

Nos automóveis, os avisos luminosos no painel de instrumentos têm cores diferentes por um motivo, e os alertas cor de laranja são geralmente para a mecânica, denunciadores de problemas graves que devem ser resolvidos com rapidez. Quem ignora os pedidos de ajuda do automóvel arrisca-se a ficar parado à beira da estrada à espera do reboque.

Mas há muitos outros indícios, menos visíveis, de que algo não está bem: ruídos estranhos no arranque ou em andamento; o consumo excessivo de combustível; fumo negro de escape, principalmente em aceleração; perda significativa de potência do motor… Tudo sinais de alerta, que avisam para o risco de avaria.

Sentidos bem treinados

Para além dos chamados ruídos parasitas que, apesar de serem menos graves para o estado de saúde do automóvel, denunciam falhas na construção ou na montagem, há barulhos que podem não ser tão inofensivos. Por isso, aprender a ouvir o que diz a mecânica e a ler os sintomas de deficiências de funcionamento em variadíssimos componentes do motor do carro é necessário para evitar colocar em risco o bom estado do conjunto.

Por exemplo, o ruído grave do motor à passagem num buraco é um sintoma de apoio de motor partido – puxe o travão de mão e movimentando o carro para a frente e para trás, se o ruído for mais intenso, o diagnóstico está correto e deve pedir intervenção imediata.

Vai comprar um carro novo? Faça uma pesquisa no Standvirtual

Um motor que chia pode indicar que as correias do alternador ou da bomba de água estão mal tensionadas, e a sua rutura pode provocar danos irreparáveis no motor. Já as batidas, podem ter várias leituras: um tique taque, com o motor frio, indica falha das válvulas; batidas irregulares na zona do cárter denunciam danos nos rolamentos da cambota; quando o batimento é ouvido logo após o arranque do motor e desaparece passados poucos segundos, é sinal do entupimento dos filtros.

Onde há fumo…

Fumos pelo tubo de escape, quando em excesso, são reveladores de problemas na mecânica. E são as cores que podem indicar a natureza das anomalias. Um veículo que emita muito fumo branco pelo escape e em que o líquido de refrigeração desaparece depressa apresentará falhas na junta da cabeça do motor. O fumo de tonalidade azul também é sintoma de problema semelhante, mas com o óleo, que muito provavelmente está a ser queimado no processo de combustão. Restabelecer os níveis dos respetivos líquidos não soluciona o problema, que será mais grave com a utilização. 

O olfato também trabalha

Os odores no habitáculo devem ser neutros. Cheiros fortes provenientes do motor ou do sistema de escape indicam falhas graves em algum dos componentes, sendo provável que existam fugas, por exemplo, do líquido de arrefecimento, do óleo do motor ou mesmo a quebra de alguma peça do sistema de escape. Não confundir com o comum cheiro a embraiagem queimada em situações de trânsito, que normalmente revela só falta de treino…

Artigo relacionado: Mecânica auto: conheça as 5 piores avarias

Diagnóstico no chão da garagem

Pequenas manchas no chão da garagem, sob o motor, podem ser sintomas de avaria. Todos os motores de combustão interna necessitam de óleo para lubrificação da mecânica. E as fugas (defeito para chumbar a viatura) devem-se a avarias mais ou menos importantes que podem ter consequências. Se, por exemplo, existe uma fuga de óleo que pode tornar a quantidade de líquido no motor deficitária; de líquido de refrigeração, que impede que o veículo sobreaqueça. E quanto maior é a quantidade no chão, mais urgente é a ida à oficina.

No caso de os parafusos do cárter estarem apenas desapertados, o problema resolve-se facilmente, em poucos minutos, às mãos de qualquer mecânico.

As fugas nos filtros de óleo também têm de ser corrigidas, bastando reapertá-los. Mas se, depois disso, ainda verter óleo do filtro, o mecânico precisa de mais meia hora de trabalho. Tal como, o cárter, que terá de ser substituído.

De qualquer modo, será ainda mais dispendioso se os anéis vedantes de um eixo de transmissão ou do cardã não se encontrarem em condições para garantir a estanqueidade. Nestes casos, sobretudo em automóveis com mais idade, deve-se ponderar se vale a pena proceder à reparação – conte-se com uma fatura elevada.

Quando o óleo já escorreu do anel vedante da cambota para a embraiagem (sentirá que esta começa a escorregar), a intervenção sairá ainda mais cara, porque implica a desmontagem da transmissão.

Perda de potência

O desgaste e existência de folgas de componentes mecânicos podem explicar a perda de potência do motor, mas este sintoma de anemia pode ter outra explicação. Os motores a combustão precisam de uma mistura eficiente de ar e combustível e a interrupção do fornecimento de cada um desses elementos vai afetar a sua performance.

Artigo relacionado: Motor fraco: 10 problemas comuns

O entupimento de peças como o filtro de partículas, filtro de ar (dificultando a admissão do ar para o motor) ou a existência de depósitos de carvão em peças chave do motor, podem ser outras causas.

Pegar à primeira

Quando as dificuldades na ignição são maiores e o esforço para ligar o motor aumenta, o mais provável é o desgaste da bateria. Uma bateria fraca torna o arranque mais difícil, mas esta deficiência é acompanhada de outros sintomas, como a diminuição da intensidade dos faróis, luz interior ou sistemas elétricos.

Leia também:

Mais artigos da mesma categoria

Como ligar um carro parado há muito tempo

Os veículos são fabricados para funcionarem continuamente, pelo que deixar um carro parado por um período demasiado longo pode afetar o estado da mecânica, das…

Saiba por que deve ter em atenção o estado dos pneus

Para sua segurança, é extremamente importante ter em atenção o estado dos pneus. Não se esqueça que são o único ponto de ligação entre o…

10 mitos sobre automóveis. Conheça os mais comuns.

Existem vários mitos sobre automóveis e não é conseguir decifrar todos esses mistérios através de informação concisa, que tantas vezes escapa à maioria de todos nós. Se…

Levar o carro à inspecção fica mais caro em 2019. Saiba quais os novos preços.

Levar o carro à inspecção ficará mais caro a partir do dia 01 de Janeiro de 2019. Conheça o aumento das novas taxas aplicadas pelo…
X

Quer receber as nossas comunicações por e-mail?

Email Marketing by E-goi

É proprietário de um Stand?

Crie uma Conta Profissional