Green NCAP atribui pontuação máxima a apenas 2 modelos

3 min

Green NCAP atribui pontuação máxima a apenas 2 modelos

A avaliação nas categorias ar limpo, eficiência energética, produção de gases com efeitos de estufa e motor incidiu sobre 24 automóveis que, alega o organismo independente, “foram submetidos a rigorosos testes”. “Os carros elétricos destacam-se como os veículos mais limpos e eficientes, mas existem também grandes diferenças entre os carros convencionais de melhor e pior desempenho”, lê-se no comunicado divulgado no final da passada semana. 

Os testes incluíram exames laboratoriais e experiências de condução, que permitiram ter um relance do comportamento dos veículos no mundo real, permitindo que o Green NCAP reclame o estatuto para as suas classificações de “oferecem o melhor de ambos os mundos em termos de avaliação”.  O esquema de classificação, explicam, acrescenta agora a avaliação de gases com efeito de estufa às de ar limpo e eficiência energética, fornecendo informações ainda mais amplas e abrangentes para os consumidores.

 

Veja os carros elétricos à venda no Standvirtual

 
Depois do Hyundai Kauai e do Renault Zoe, que receberam 5 estrelas, surge na terceira posição o híbrido Toyota C-HR, com três estrelas e meia. No entanto, o sistema híbrido da Honda não foi tão convincente: o Honda CR-V, de potência semelhante, não conseguiu mais do que duas estrelas e meia, posicionando-se em 13º lugar, atrás de carros sem qualquer apoio elétrico.

Artigo relacionado: Saiba como reduzir os consumos e as emissões do seu carro

Mas de volta aos melhores, onde estão os três gigantes do popular segmento B: Peugeot 208, Renault Clio e Volkswagen Polo, todos com três estrelas. Do outro lado do espelho, ficaram os líderes dos furgões de passageiros, Mercedes-Benz Classe V, Opel Zafira e Volkswagen Transporter, prejudicados pelo peso e por uma pobre aerodinâmica. “Embora o pós-tratamento muito eficaz signifique que controlam bem as emissões poluentes, requerem muita energia/combustível para movimentar o seu peso”, explica o Green NCAP. 

Ainda em destaque, a solução a gasóleo da Mercedes-Benz proposta no Classe C 220d, que se destaca ao receber três estrelas e a apresentar-se em 4º lugar, o que revela ser possível controlar as emissões poluentes com uma boa conceção do motor e com um pós-tratamento dos gases de escape de excelência.

O esquema de classificação revisto está de acordo com os sentimentos expressados num inquérito abrangente aos consumidores europeus, cujos resultados completos serão publicados no início do próximo ano.

Artigo relacionado: Diferença entre carros híbridos, plug-in e elétricos

De frisar que nesta avaliação, patrocinada pela Comissão Europeia como parte do projeto Green Vehicle Index (GVI), não foram incluídos híbridos “plug-in”, o que acontecerá na próxima ronda, prevista para fevereiro.

Além disso, o processo de avaliação ainda não está finalizado, com o organismo a ressalvar o facto de os valores apresentados derivarem de uma análise do tanque à roda, quando o desejável seria fazer do poço à roda. “A Green NCAP planeia alargar ainda mais a sua análise (…) e ter em conta as emissões ‘a montante’ envolvidas no fabrico de combustíveis ou na produção de eletricidade.”


Leia também:

Serão os carros elétricos mais caros a longo prazo?

Será que compensa ter um carro elétrico?

Conheça os carros mais económicos a gasóleo

eyJpZCI6IjIyNDIzMjE1NDkzIiwibmV0d29ya0NvZGUiOiIxMDA3ODM3IiwiZWZmZWN0aXZlUm9vdEFkVW5pdElkIjoiNTA5MjI3IiwibmFtZSI6IkFQX0xCX1RvcCIsInBhcmVudFBhdGgiOlt7ImlkIjoiNTA5MjI3IiwibmFtZSI6ImNhLXB1Yi0zMDIzMTkxOTk4Mjg1MTk3IiwiYWRVbml0Q29kZSI6ImNhLXB1Yi0zMDIzMTkxOTk4Mjg1MTk3In0seyJpZCI6IjIwMzU2NTkwOTY3IiwibmFtZSI6IjFfU3RhbmRWaXJ0dWFsIiwiYWRVbml0Q29kZSI6IjFfU3RhbmRWaXJ0dWFsIn0seyJpZCI6IjIxNzg0MTIzODQwIiwibmFtZSI6IlNUVl9ibG9nIiwiYWRVbml0Q29kZSI6IlNUVl9ibG9nIn0seyJpZCI6IjIyNDIxODkyMzI0IiwibmFtZSI6IkJsb2dfRGVza3RvcCIsImFkVW5pdENvZGUiOiJCbG9nX0Rlc2t0b3AifV0sImFkVW5pdENvZGUiOiJBUF9MQl9Ub3AiLCJkZXNjcmlwdGlvbiI6IiIsImlzRmx1aWQiOmZhbHNlLCJpc05hdGl2ZSI6ZmFsc2UsImFkVW5pdFNpemVzIjp7InNpemUiOnsid2lkdGgiOiI3MjgiLCJoZWlnaHQiOiI5MCIsImlzQXNwZWN0UmF0aW8iOiJmYWxzZSJ9LCJlbnZpcm9ubWVudFR5cGUiOiJCUk9XU0VSIiwiZnVsbERpc3BsYXlTdHJpbmciOiI3Mjh4OTAifX0=
eyJpZCI6IjIyNDIzMjIwNDM0IiwibmV0d29ya0NvZGUiOiIxMDA3ODM3IiwiZWZmZWN0aXZlUm9vdEFkVW5pdElkIjoiNTA5MjI3IiwibmFtZSI6IkFQX01yZWNfTW9iaWxlXzEiLCJwYXJlbnRQYXRoIjpbeyJpZCI6IjUwOTIyNyIsIm5hbWUiOiJjYS1wdWItMzAyMzE5MTk5ODI4NTE5NyIsImFkVW5pdENvZGUiOiJjYS1wdWItMzAyMzE5MTk5ODI4NTE5NyJ9LHsiaWQiOiIyMDM1NjU5MDk2NyIsIm5hbWUiOiIxX1N0YW5kVmlydHVhbCIsImFkVW5pdENvZGUiOiIxX1N0YW5kVmlydHVhbCJ9LHsiaWQiOiIyMTc4NDEyMzg0MCIsIm5hbWUiOiJTVFZfYmxvZyIsImFkVW5pdENvZGUiOiJTVFZfYmxvZyJ9LHsiaWQiOiIyMjQyMTg5MTQzMCIsIm5hbWUiOiJCbG9nX01vYmlsZSIsImFkVW5pdENvZGUiOiJCbG9nX01vYmlsZSJ9XSwiYWRVbml0Q29kZSI6IkFQX01yZWNfTW9iaWxlXzEiLCJkZXNjcmlwdGlvbiI6IiIsImlzRmx1aWQiOmZhbHNlLCJpc05hdGl2ZSI6ZmFsc2UsImFkVW5pdFNpemVzIjp7InNpemUiOnsid2lkdGgiOiIzMDAiLCJoZWlnaHQiOiIyNTAiLCJpc0FzcGVjdFJhdGlvIjoiZmFsc2UifSwiZW52aXJvbm1lbnRUeXBlIjoiQlJPV1NFUiIsImZ1bGxEaXNwbGF5U3RyaW5nIjoiMzAweDI1MCJ9fQ==
eyJpZCI6IjIyNDIzNDM3Mjg3IiwibmV0d29ya0NvZGUiOiIxMDA3ODM3IiwiZWZmZWN0aXZlUm9vdEFkVW5pdElkIjoiNTA5MjI3IiwibmFtZSI6IkFQX0xCX0JvdHRvbSIsInBhcmVudFBhdGgiOlt7ImlkIjoiNTA5MjI3IiwibmFtZSI6ImNhLXB1Yi0zMDIzMTkxOTk4Mjg1MTk3IiwiYWRVbml0Q29kZSI6ImNhLXB1Yi0zMDIzMTkxOTk4Mjg1MTk3In0seyJpZCI6IjIwMzU2NTkwOTY3IiwibmFtZSI6IjFfU3RhbmRWaXJ0dWFsIiwiYWRVbml0Q29kZSI6IjFfU3RhbmRWaXJ0dWFsIn0seyJpZCI6IjIxNzg0MTIzODQwIiwibmFtZSI6IlNUVl9ibG9nIiwiYWRVbml0Q29kZSI6IlNUVl9ibG9nIn0seyJpZCI6IjIyNDIxODkyMzI0IiwibmFtZSI6IkJsb2dfRGVza3RvcCIsImFkVW5pdENvZGUiOiJCbG9nX0Rlc2t0b3AifV0sImFkVW5pdENvZGUiOiJBUF9MQl9Cb3R0b20iLCJkZXNjcmlwdGlvbiI6IiIsImlzRmx1aWQiOmZhbHNlLCJpc05hdGl2ZSI6ZmFsc2UsImFkVW5pdFNpemVzIjp7InNpemUiOnsid2lkdGgiOiI3MjgiLCJoZWlnaHQiOiI5MCIsImlzQXNwZWN0UmF0aW8iOiJmYWxzZSJ9LCJlbnZpcm9ubWVudFR5cGUiOiJCUk9XU0VSIiwiZnVsbERpc3BsYXlTdHJpbmciOiI3Mjh4OTAifX0=
eyJpZCI6IjIyNDIzMjIxMTc1IiwibmV0d29ya0NvZGUiOiIxMDA3ODM3IiwiZWZmZWN0aXZlUm9vdEFkVW5pdElkIjoiNTA5MjI3IiwibmFtZSI6IkFQX01yZWNfTW9iaWxlXzIiLCJwYXJlbnRQYXRoIjpbeyJpZCI6IjUwOTIyNyIsIm5hbWUiOiJjYS1wdWItMzAyMzE5MTk5ODI4NTE5NyIsImFkVW5pdENvZGUiOiJjYS1wdWItMzAyMzE5MTk5ODI4NTE5NyJ9LHsiaWQiOiIyMDM1NjU5MDk2NyIsIm5hbWUiOiIxX1N0YW5kVmlydHVhbCIsImFkVW5pdENvZGUiOiIxX1N0YW5kVmlydHVhbCJ9LHsiaWQiOiIyMTc4NDEyMzg0MCIsIm5hbWUiOiJTVFZfYmxvZyIsImFkVW5pdENvZGUiOiJTVFZfYmxvZyJ9LHsiaWQiOiIyMjQyMTg5MTQzMCIsIm5hbWUiOiJCbG9nX01vYmlsZSIsImFkVW5pdENvZGUiOiJCbG9nX01vYmlsZSJ9XSwiYWRVbml0Q29kZSI6IkFQX01yZWNfTW9iaWxlXzIiLCJkZXNjcmlwdGlvbiI6IiIsImlzRmx1aWQiOmZhbHNlLCJpc05hdGl2ZSI6ZmFsc2UsImFkVW5pdFNpemVzIjp7InNpemUiOnsid2lkdGgiOiIzMDAiLCJoZWlnaHQiOiIyNTAiLCJpc0FzcGVjdFJhdGlvIjoiZmFsc2UifSwiZW52aXJvbm1lbnRUeXBlIjoiQlJPV1NFUiIsImZ1bGxEaXNwbGF5U3RyaW5nIjoiMzAweDI1MCJ9fQ==

Mais artigos da mesma categoria

Aston Martin: A história dos DB

Depois de muitos meses na rampa de lançamento, foi já no arranque de 2020 que ficámos finalmente a conhecer a versão definitiva do Aston Martin…

Saiba como funciona a isenção de IPO para carros clássicos

Um Veículo de Interesse Histórico é aquele que tenha pelo menos trinta anos de matrícula e um estado de conservação de acordo com o original,…

8 melhores carros japoneses de sempre: conheça-os

Quando juntamos “Japão” e “carros” na mesma frase, ocorrem-nos logo duas máximas: velocidade e engenharia! Conheça os 8 melhores carros japoneses de sempre. No mundo automóvel…

Conheça a história do automóvel e como este foi inventado

Pode dizer-se que história do automóvel conta com cerca de 5 séculos de existência. Na verdade, a ideia de querer fazer movimentar uma "carroçaria" sobre quatro rodas remonta…
X

Quer receber as nossas comunicações por e-mail?

Email Marketing by E-goi

É proprietário de um Stand?

Crie uma Conta Profissional