Opel apresenta a sua nova Astra Sports Tourer PHEV

5 min

Opel apresenta a sua nova Astra Sports Tourer PHEV

Depois de ter revelado uma nova geração do seu bem-sucedido hatchback familiar, a Opel mostrou a variante carrinha que será comercializada com mecânicas Diesel, a gasolina, híbrida de ligar à corrente e, mais tarde, exclusivamente movida a eletricidade. As encomendas arrancam no último trimestre do ano e já há preço para o PHEV de 180 cv no nível de equipamento Business Edition: a partir de cerca de 40.000€.

Design: marcante por fora, funcional por dentro

opel astra sports tourer Standvirtual

Por fora, tal como foi verificado no cinco portas, a carrinha adota a linha Vizor, estreada no Mokka, com uma linha bem vincada sobre o capot em direção ao nariz do carro que assume a forma de uma seta. O visual dramático torna-se mais acentuado quando se opta pela iluminação Intelli-Lux, com 168 elementos LED, que disponibilizam faróis máximos permanentes sem reflexos e que se ajustam automaticamente para evitar encandear os condutores que se aproximam.

As maiores diferenças visuais começam no pilar C para trás, em que a carroçaria é esticada sem comprometer as linhas dinâmicas, mas abrindo caminho a um interior mais espaçoso e funcional do que aquele que o carro apresenta.

Quanto custa a nova Opel Astra Sports Tourer?

A nova Astra Sports Tourer tem uma mala com uma volumetria de 597 litros e chega de série com a repartição dos bancos traseiros na proporção de 40/20/40 — quando todos deitados, o espaço de carga aumenta para 1634 litros. A exceção vai para os híbridos plug-in que, por conta do espaço ocupado pelo sistema elétrico, veem a mala encolher para uns ainda muito razoáveis 516 litros (1553 litros, com a segunda fila de bancos rebatida).

opel astra sports tourer mala

A funcionalidade volta a destacar-se na configuração da mala, de piso plano, com uma entrada mais baixa, o que torna mais fácil o processo de carga ou descarga, sobretudo de objetos grandes ou pesados. Entre os opcionais, chega com um novo sistema Intelli-Space, ajustável em duas posições e que pode ser fixado num ângulo de 45 graus, permitindo acesso direto ao kit de reparação de pneus e ao estojo de primeiros socorros.

No interior, a carrinha Astra acompanha o irmão de cinco portas na adoção da tecnologia, passando a integrar o Pure Panel digital, assente em dois grandes ecrãs, orientados para o condutor: um painel de instrumentos de 10? e um ecrã tátil central de 10?, com um sistema fácil de usar e compatível com Apple CarPlay e Android Auto.

opel astra sports tourer interior

O tablier, porém, não ficou despido, com a marca a manter os controlos físicos da climatização, algo que habitualmente integra a lista de itens obrigatórios dos clientes.

A vida a bordo é ainda marcada pelo Intelli-Air, um sistema de condicionamento com um filtro de ar de elevada eficiência que fornece informações constantes sobre a qualidade do ar e ajuda a manter fresco e limpo o ambiente do habitáculo, ou pelos bancos ergonómicos com certificação AGR, atribuída por um comité independente de testes composto por peritos de várias áreas médicas.

novo operl astra sports tourer

Eficiente ou emocional

Quando o carro chega equipado com caixa automática, na consola central, além dos comandos da transmissão, há ainda o botão para alterar os modos de condução, dependendo das condições do trânsito e da estrada, mas também da vontade de quem se senta ao volante: Normal, para equilibrar eficiência e potência; Eco, para uma performance assente numa maior eficiência; e Sport, para uma condução mais emocional.

opel astra sports tourer hibrida

A condução pode ainda ser apoiada por assistentes: ou com o Intelli-Drive 1.0, que integra a assistência à manutenção na faixa, à mudança de faixa e o alerta de tráfego cruzado traseiro, ou com o sistema Intelli-Drive 2.0. Esta última tecnologia de assistência é mais avançada e intuitiva, com adaptação da velocidade em curva e adaptação inteligente de velocidade avançada, que monitoriza os sinais de trânsito e permite diminuir ou aumentar a velocidade em conformidade.

Procura uma carrinha híbrida nova?

Apesar da maior parte da ação se passar nos ecrãs, os botões não desapareceram, sendo o controlo da climatização feito através de, algo que a Opel diz corresponder à vontade da maioria dos seus clientes. Outra coisa que não muda é a opção por bancos ergonómicos com certificação AGR, atribuída por um comité independente de testes composto por peritos de várias áreas médicas.

Nas mecânicas, a carrinha vai começar por chegar com um bloco a gasolina 1.2 Turbo de 130 cv, um Diesel de 1,5 litros também de 130 cv (sendo que é possível, em ambos, optar por uma caixa manual de seis velocidades ou por uma automática de oito relações) e um híbrido plug-in, que une um bloco a gasolina de 150 cv e um motor elétrico de 81 kW para uma potência combinada de 180 cv e uma autonomia de até 70 quilómetros.

Leia também:

Mais artigos da mesma categoria

Os carros mais icónicos de sempre da BMW

A BMW é, hoje, uma das marcas europeias que soma pontos em prestígio, oferecendo uma vasta gama que inclui desde utilitários espevitados até limusines de…

O que fazer se alguém bateu no seu carro e fugiu

Há situações para todos os gostos: desde viaturas que, no meio do caos do trânsito, batem e fogem e até condutores que, depois de darem…

Tributação autónoma: o que é e como se calcula

Para além do imposto sobre veículos (ISV) que tributa o fabrico, a montagem e a importação, mais um imposto único de circulação (IUC) que taxa…

Carros híbridos plug-in com autonomia superior a 50 km

A autonomia de 50 quilómetros em modo exclusivamente elétrico passou a ser exigida para se poder beneficiar de um carro híbrido plug-in com uma taxa…
X

Quer receber as nossas comunicações por e-mail?

Email Marketing by E-goi

É proprietário de um Stand?

Crie uma Conta Profissional