O impacto dos videojogos no setor automóvel

5 min

O impacto dos videojogos no setor automóvel

A relação entre videojogos e fabricantes automóveis é simbiótica. Enquanto os jogos têm carros de certas marcas para os jogadores conduzirem e até competirem entre si, os fabricantes automóveis ganham uma montra para mostrar os seus modelos aos jogadores.

Há duas décadas, os videojogos eram vistos como um hobbie para adolescentes, hoje em dia, à medida que os e-sports se tornam mais populares, com o surgimento da possibilidade de fazer carreira através dos videojogos, e com os jogos de corrida a tornarem-se disponíveis em dispositivos móveis, o alcance destes tem uma dimensão muito maior, alcançando públicos de todas as gerações e não apenas o segmento mais jovem.

Impacto nos jogadores adolescentes

Os jogadores que testam os carros no jogo acabam por ter os seus favoritos, o que pode levar à fidelidade a uma marca específica no mundo real. A empresa de consultoria Strategic Vision realizou um focus group com jogadores entre os 11 e os 16 anos e descobriu que os carros da Ford e da Chevrolet eram os carros em que os participantes tinham mais interesse. A razão? Porque eram os carros que eles conduziam nos videojogos.

Artigo relacionado: TeslaMic: o novo microfone de karaoke para o seu Tesla

Segundo o diretor de comunicação da Chevrolet “a beleza dos jogos é que se difundem por vários grupos demográficos – desde as experiências mais casuais para pessoas que ainda nem têm a carta, a especialistas em carros de qualquer idade.”

Parcerias de fabricantes automóveis com jogos

Fazer parcerias com videojogos pode tornar um carro de nicho num nome reconhecido no mercado:

Pagani x Eden Games

A Pagani uniu-se à produtora de jogos Eden Games para revelar o Huayra Roadster no mundo real e dentro do jogo ao mesmo tempo.

McLaren x Logitech G

A McLaren fez uma parceria com a Logitech G para entrar na arena de e-sports na competição “World’s Faster Gamer”.

Ferrari X Fornite 

O Ferrari 296 GTB tornou-se o primeiro carro no maior jogo online do mundo, o Fornite, que conta com mais de 350 milhões de utilizadores registados.

Para além desta parceria, a própria Ferrari já tem uma divisão de e-sports que foi lançada em 2019, onde são organizadas competições online em jogos de simulação de corridas de carros. Para além dos torneios ainda existem prémios monetários e até uma equipa oficial de e-sports da Ferrari para a competição online.

O impacto dos videojogos na indústria automóvel

Para além do aumento de “brand awareness” das marcas presentes nos videojogos, a tecnologia utilizada nos jogos impacta a indústria automóvel em outras vertentes:

  1. Reparação através de realidade aumentada

Tradicionalmente, ao criar um carro novo, o designer teria de criar um protótipo para verificar as proporções de cada detalhe. Atualmente, com o uso de realidade aumentada e realidade virtual, os designers automóveis conseguem, com mais facilidade, ter uma visão geral do automóvel através de um modelo digital com o qual podem interagir e modificar.

Marcas como a BMW, Audi e a Nissan estão atualmente a utilizar realidade virtual e realidade aumentada para ajudar os mecânicos a ver através das partes do carro que estão a reparar, para consertar e fazer diagnósticos do problema mais rapidamente.

Artigo relacionado: Como a Inteligência Artificial pode mudar a indústria automóvel

Na perspetiva do consumidor, já é possível, também através de realidade virtual, posicionar digitalmente um carro na sua garagem e ver o seu exterior e interior, sem precisar de se deslocar a um concessionário automóvel.

  1. Impulso da Gamificação

A gamificação refere-se à aplicação de estratégias e mecanismos de jogos nas atividades do dia a dia para enriquecer contextos diversos que normalmente não estão relacionados com jogos.

Um exemplo da aplicação deste conceito na indústria automóvel é a Carwings, uma aplicação da Nissan Leaf EV, que pode ser utilizada pelos condutores para competirem entre eles (não em velocidade, mas na eficiência de condução).

Esta aplicação tornou a condução no mundo real num verdadeiro jogo de competição, mas em vez de ganhar o condutor que obtém o melhor tempo, o objetivo é tirar o melhor partido da bateria do automóvel.

Atualmente já existem várias categorias em que os condutores podem competir, nomeadamente, “maior distância percorrida”, “menor eletricidade consumida por acessórios”, “maior número de viagens”, “mais energia gerada”, e “mais quilómetros por kWh”.

A aplicação está a ser um sucesso tão grande que mais de metade dos proprietários do modelo Leaf já se inscreveram na Carwings.

  1. Configuração automóvel

Se já jogou jogos de corrida como o DiRT, Gran Turismo ou o Project Cars, de certeza que se lembra do configurador de carros da Lucid. Agora, a marca lançou um novo modelo, o Air EV, construído com tecnologia enraizada em videojogos e utilizada no design do carro.

Através de uma técnica chamada ray-tracing, o configurador é capaz de criar uma foto realista do automóvel, superando todos os outros configuradores para torná-lo o mais realista já criado.

Leia também:

Mais artigos da mesma categoria

Motor a 4 tempos: como funciona

Quando um motor precisa de 4 momentos distintos para funcionar assume-se como um motor de combustão interna, com os gases a completarem um ciclo termodinâmico…

Como legalizar carros importados? Explicamos-lhe tudo

Como funciona legalizar carros importados? Qual a legislação em vigor? Quais os melhores países para importar carros usados? Respondemos a tudo. A menor tributação sobre automóveis…

A história do Volkswagen Pão de Forma

Bulli na Alemanha, Kombi no Brasil ou Pão de Forma, como foi carinhosamente alcunhada em Portugal, a Volkswagen Type 2 nasceu para servir na década…

Quando e por que razão pode ser cancelada a matrícula de um carro?

Se um veículo desaparecer ou se quiser deixar de circular na estrada com ele, deve cancelar a matrícula. Não o fazer pode trazer-lhe sérios problemas,…
X

Quer receber as nossas comunicações por e-mail?

Email Marketing by E-goi

É proprietário de um Stand?

Crie uma Conta Profissional