Volvo salvar milhão de vidas

4 min

“Ideias parvas” da Volvo podem salvar um milhão de vidas

Limitar a velocidade máxima a 180 km/h e introduzir câmaras no interior dos automóveis para monitorizar o estado de atenção dos condutores, evitando situações de fadiga ou intoxicação causadoras de acidentes. Estas são algumas das “ideias parvas” com que a Volvo pretende salvar mais vidas.

Quando a 13 de agosto de 1959, a Volvo Cars entregou o primeiro automóvel de produção em série do mundo equipado com um cinto de segurança de 3 pontos, houve quem torcesse o nariz. Depois, quando nos EUA, a lei exigiu que os novos modelos viessem com cintos de fábrica, alguém terá dito que isso seria apenas “uma ideia parva”, tendo existido até quem descrevesse a obrigatoriedade “um atentado à liberdade individual”. Certo é que a “parvoíce” permitiu poupar, estima-se, mais de um milhão de vidas até hoje.

 

Veja todos os Volvo disponíveis no Standvirtual

 
É que o cinto de segurança de três pontos, que, além de agarrar pela barriga, cruza sobre o peito, mantendo a pessoa “agarrada” ao banco, reduz o risco de ferimentos e mortes entre os ocupantes dos bancos da frente cerca de 45%, podendo chegar a 50%.

Em Portugal, a obrigatoriedade de usar cinto de segurança por todos os ocupantes de um automóvel ficou expressa no artigo 83.º do Código da Estrada, aprovado pelo Decreto-Lei n.º 114/94, de 3 de maio. Mas, a verdade é que, durante muito tempo, havia quem usasse variadíssimos esquemas para fingir ter o cinto: porque incomodava ou até porque, defendiam algumas teses, era causa de morte em certos acidentes. Hoje, a questão não se coloca e prender o cinto de segurança, ainda antes de dar à chave, é um movimento quase automático.

É com estes exemplos que a Volvo justifica as suas últimas decisões no que diz respeito à segurança. A marca sueca, conhecida pelo seu empenho em reduzir a sinistralidade rodoviária, comunicou que os seus novos modelos estarão limitados eletronicamente a uma velocidade máxima de 180km/h, informando ainda que irá introduzir, de fábrica, câmaras no interior dos automóveis para monitorizar o estado de atenção dos condutores evitando situações de fadiga ou intoxicação causadoras de acidentes.

Ambas as medidas são assumidas pela Volvo como polémicas, com a marca a expor os comentários menos simpáticos de que tem sido alvo. No entanto, a empresa considera ser este o momento para avançar com tais “ideias parvas”, tendo lançado uma campanha de sensibilização intitulada “Mais um milhão”, com a certeza de que “daqui a alguns anos, estes novos sistemas de segurança serão comuns a todas as marcas”, lê-se em comunicado.

Novos sistemas em estreia

Além de limitar a velocidade máxima a 180 km/h, a Volvo informou estar a avaliar formas de, no futuro, limitar automaticamente a velocidade na proximidade de escolas e hospitais com recurso a tecnologia inteligente de controlo de velocidade e delimitação geográfica.

Outra novidade consiste no “Highway pilot”, tecnologia que, baseada nos sensores LiDAR, assegura uma condução totalmente autónoma em autoestrada.

Recentemente, o emblema introduziu a “Care Key”, com a qual os proprietários de automóveis podem limitar a velocidade do veículo mediante quem se sentar atrás do volante. Ou seja, ao emprestá-lo a um familiar mais jovem ou condutor menos experiente, a Care Key permite restringir a velocidade, tornando a condução mais segura.


Leia também:

eyJpZCI6IjIyNDIzMjE1NDkzIiwibmV0d29ya0NvZGUiOiIxMDA3ODM3IiwiZWZmZWN0aXZlUm9vdEFkVW5pdElkIjoiNTA5MjI3IiwibmFtZSI6IkFQX0xCX1RvcCIsInBhcmVudFBhdGgiOlt7ImlkIjoiNTA5MjI3IiwibmFtZSI6ImNhLXB1Yi0zMDIzMTkxOTk4Mjg1MTk3IiwiYWRVbml0Q29kZSI6ImNhLXB1Yi0zMDIzMTkxOTk4Mjg1MTk3In0seyJpZCI6IjIwMzU2NTkwOTY3IiwibmFtZSI6IjFfU3RhbmRWaXJ0dWFsIiwiYWRVbml0Q29kZSI6IjFfU3RhbmRWaXJ0dWFsIn0seyJpZCI6IjIxNzg0MTIzODQwIiwibmFtZSI6IlNUVl9ibG9nIiwiYWRVbml0Q29kZSI6IlNUVl9ibG9nIn0seyJpZCI6IjIyNDIxODkyMzI0IiwibmFtZSI6IkJsb2dfRGVza3RvcCIsImFkVW5pdENvZGUiOiJCbG9nX0Rlc2t0b3AifV0sImFkVW5pdENvZGUiOiJBUF9MQl9Ub3AiLCJkZXNjcmlwdGlvbiI6IiIsImlzRmx1aWQiOmZhbHNlLCJpc05hdGl2ZSI6ZmFsc2UsImFkVW5pdFNpemVzIjp7InNpemUiOnsid2lkdGgiOiI3MjgiLCJoZWlnaHQiOiI5MCIsImlzQXNwZWN0UmF0aW8iOiJmYWxzZSJ9LCJlbnZpcm9ubWVudFR5cGUiOiJCUk9XU0VSIiwiZnVsbERpc3BsYXlTdHJpbmciOiI3Mjh4OTAifX0=
eyJpZCI6IjIyNDIzMjIwNDM0IiwibmV0d29ya0NvZGUiOiIxMDA3ODM3IiwiZWZmZWN0aXZlUm9vdEFkVW5pdElkIjoiNTA5MjI3IiwibmFtZSI6IkFQX01yZWNfTW9iaWxlXzEiLCJwYXJlbnRQYXRoIjpbeyJpZCI6IjUwOTIyNyIsIm5hbWUiOiJjYS1wdWItMzAyMzE5MTk5ODI4NTE5NyIsImFkVW5pdENvZGUiOiJjYS1wdWItMzAyMzE5MTk5ODI4NTE5NyJ9LHsiaWQiOiIyMDM1NjU5MDk2NyIsIm5hbWUiOiIxX1N0YW5kVmlydHVhbCIsImFkVW5pdENvZGUiOiIxX1N0YW5kVmlydHVhbCJ9LHsiaWQiOiIyMTc4NDEyMzg0MCIsIm5hbWUiOiJTVFZfYmxvZyIsImFkVW5pdENvZGUiOiJTVFZfYmxvZyJ9LHsiaWQiOiIyMjQyMTg5MTQzMCIsIm5hbWUiOiJCbG9nX01vYmlsZSIsImFkVW5pdENvZGUiOiJCbG9nX01vYmlsZSJ9XSwiYWRVbml0Q29kZSI6IkFQX01yZWNfTW9iaWxlXzEiLCJkZXNjcmlwdGlvbiI6IiIsImlzRmx1aWQiOmZhbHNlLCJpc05hdGl2ZSI6ZmFsc2UsImFkVW5pdFNpemVzIjp7InNpemUiOnsid2lkdGgiOiIzMDAiLCJoZWlnaHQiOiIyNTAiLCJpc0FzcGVjdFJhdGlvIjoiZmFsc2UifSwiZW52aXJvbm1lbnRUeXBlIjoiQlJPV1NFUiIsImZ1bGxEaXNwbGF5U3RyaW5nIjoiMzAweDI1MCJ9fQ==
eyJpZCI6IjIyNDIzNDM3Mjg3IiwibmV0d29ya0NvZGUiOiIxMDA3ODM3IiwiZWZmZWN0aXZlUm9vdEFkVW5pdElkIjoiNTA5MjI3IiwibmFtZSI6IkFQX0xCX0JvdHRvbSIsInBhcmVudFBhdGgiOlt7ImlkIjoiNTA5MjI3IiwibmFtZSI6ImNhLXB1Yi0zMDIzMTkxOTk4Mjg1MTk3IiwiYWRVbml0Q29kZSI6ImNhLXB1Yi0zMDIzMTkxOTk4Mjg1MTk3In0seyJpZCI6IjIwMzU2NTkwOTY3IiwibmFtZSI6IjFfU3RhbmRWaXJ0dWFsIiwiYWRVbml0Q29kZSI6IjFfU3RhbmRWaXJ0dWFsIn0seyJpZCI6IjIxNzg0MTIzODQwIiwibmFtZSI6IlNUVl9ibG9nIiwiYWRVbml0Q29kZSI6IlNUVl9ibG9nIn0seyJpZCI6IjIyNDIxODkyMzI0IiwibmFtZSI6IkJsb2dfRGVza3RvcCIsImFkVW5pdENvZGUiOiJCbG9nX0Rlc2t0b3AifV0sImFkVW5pdENvZGUiOiJBUF9MQl9Cb3R0b20iLCJkZXNjcmlwdGlvbiI6IiIsImlzRmx1aWQiOmZhbHNlLCJpc05hdGl2ZSI6ZmFsc2UsImFkVW5pdFNpemVzIjp7InNpemUiOnsid2lkdGgiOiI3MjgiLCJoZWlnaHQiOiI5MCIsImlzQXNwZWN0UmF0aW8iOiJmYWxzZSJ9LCJlbnZpcm9ubWVudFR5cGUiOiJCUk9XU0VSIiwiZnVsbERpc3BsYXlTdHJpbmciOiI3Mjh4OTAifX0=
eyJpZCI6IjIyNDIzMjIxMTc1IiwibmV0d29ya0NvZGUiOiIxMDA3ODM3IiwiZWZmZWN0aXZlUm9vdEFkVW5pdElkIjoiNTA5MjI3IiwibmFtZSI6IkFQX01yZWNfTW9iaWxlXzIiLCJwYXJlbnRQYXRoIjpbeyJpZCI6IjUwOTIyNyIsIm5hbWUiOiJjYS1wdWItMzAyMzE5MTk5ODI4NTE5NyIsImFkVW5pdENvZGUiOiJjYS1wdWItMzAyMzE5MTk5ODI4NTE5NyJ9LHsiaWQiOiIyMDM1NjU5MDk2NyIsIm5hbWUiOiIxX1N0YW5kVmlydHVhbCIsImFkVW5pdENvZGUiOiIxX1N0YW5kVmlydHVhbCJ9LHsiaWQiOiIyMTc4NDEyMzg0MCIsIm5hbWUiOiJTVFZfYmxvZyIsImFkVW5pdENvZGUiOiJTVFZfYmxvZyJ9LHsiaWQiOiIyMjQyMTg5MTQzMCIsIm5hbWUiOiJCbG9nX01vYmlsZSIsImFkVW5pdENvZGUiOiJCbG9nX01vYmlsZSJ9XSwiYWRVbml0Q29kZSI6IkFQX01yZWNfTW9iaWxlXzIiLCJkZXNjcmlwdGlvbiI6IiIsImlzRmx1aWQiOmZhbHNlLCJpc05hdGl2ZSI6ZmFsc2UsImFkVW5pdFNpemVzIjp7InNpemUiOnsid2lkdGgiOiIzMDAiLCJoZWlnaHQiOiIyNTAiLCJpc0FzcGVjdFJhdGlvIjoiZmFsc2UifSwiZW52aXJvbm1lbnRUeXBlIjoiQlJPV1NFUiIsImZ1bGxEaXNwbGF5U3RyaW5nIjoiMzAweDI1MCJ9fQ==

Mais artigos da mesma categoria

Os carros mais baratos das marcas premium

Ter um carro de uma marca mais conceituada não só significa ter mais conforto e prazer enquanto estamos a conduzir. Representa também um estatuto perante…

Cinto de segurança de 3 pontos faz 61 anos

É provavelmente um dos equipamentos que mais vidas salva todos os dias na estrada. O cinto de segurança de três pontos, que, além de agarrar…

Pontos da carta de condução: como funciona?

O novo regime por pontos da carta de condução ainda suscita muitas dúvidas, por isso, neste artigo, vamos explicar como funciona a carta por pontos.…

O que é a tabela Eurotax para carros usados?

O valor de um carro usado pode ser encontrado de cabeça, mas o mais provável é que, dessa forma, o mesmo não vá ao encontro…
X

Quer receber as nossas comunicações por e-mail?

Email Marketing by E-goi

É proprietário de um Stand?

Crie uma Conta Profissional