Eletrificar carros vantagens desvantagens

5 min

Eletrificar carros clássicos: vantagens e desvantagens

As opiniões dividem-se sobre as vantagens e desvantagens de eletrificar carros clássicos, entre os que defendem que a substituição do velhinho motor a combustão por uma bateria elétrica desvirtua o valor histórico do modelo, e aqueles que encaram a conversão como o passo natural a seguir e com ganhos associados. Onde fica a razão?

O aumento exponencial na formação de empresas especializadas na transformação de carros clássicos com motores de combustão interna em elétricos já mereceu a atenção das associações de veículos clássicos em todo o mundo. A Fédération Internationale des Véhicles Anciens (FIVA), que protege a classificação histórica dos automóveis, emitiu mesmo um comunicado no qual considera que este tipo de intervenções retira valor aos veículos, ainda que compreenda o seu propósito.

“Argumentam que, de certa forma, conservam a aparência clássica ao mesmo tempo que vão ao encontro dos padrões ambientais modernos, melhorando as suas prestações e potência”, pode ler-se no comunicado da FIVA, onde se sublinha que “algumas companhias conseguiram obter a permissão das autoridades de certificação para manterem o Número de Identificação do Veículo (VIN) original dado ao veículo, apesar de mudarem, mais ou menos, toda a motorização”.

Mas, entende aquela associação que não pode promover, para proprietários ou reguladores, a utilização de componentes elétricos modernos em substituição da motorização histórica de um clássico. “Do ponto de vista da FIVA, os veículos convertidos deixam de ser clássicos.”

Para a esmagadora maioria dos especialistas nesta matéria um automóvel clássico deve cumprir determinados requisitos, como uma idade de, pelo menos, 30 anos, manutenção e preservação e condições historicamente corretas, utilização que não seja de transporte diário e parte da nossa herança técnica ou cultural.

Artigo relacionado: Diferença entre carros clássicos, pré-clássicos e antigos

Experiência de condução longe do original

Para a maioria dos fãs mais puristas, um clássico no seu estado original reflete todo um conjunto de sensações, desde os cheiros aos ruídos, que desaparecem com a conversão para as baterias. E, tratando-se de veículos que não circulam todos os dias, é necessário fazer contas ao ciclo de vida das baterias, desde o seu fabrico até ao desmantelamento, passando pelo armazenamento dos resíduos e reciclagem.

Não é barato

De acordo com os especialistas da Evolutio, “atualmente, uma conversão tem um custo estimado a partir de 12.000€ + IVA para uma autonomia entre 80 e 100 km, dependendo do tipo de veículo, e uma potência de motor até 35kW (aproximadamente 45 cv)”. No entanto com o crescimento do mercado, é expectável que os custos vão diminuindo.

Informação importante: as empresas deduzem a totalidade do IVA da conversão de um automóvel a combustão para elétrico.

Vantagens em eletrificar um carro clássico

Do lado de lá da barricada, estão as empresas especializada na conversão clássicos de automóveis para uma segunda vida elétrica. E com um número cada vez maior de adeptos. Defendem que as novas tecnologias de motores podem tornar os carros clássicos em veículos de baixa manutenção e fáceis de usar e preservar para as gerações vindouras. Uma coisa é certa, sem emissões pelo tubo de escape, tornam-se menos poluentes no dia-a-dia.

Podem manter todo o charme da época, mas com todas as vantagens e conveniência de um carro elétrico, nomeadamente não ter de se preocupar com as mudanças de óleo e desafinações que muitas vezes o impedem de utilizar o automóvel sem imprevistos. Para passear ao fim de semana basta manter o seu carro à carga. Quem concorda com este tipo de conversões pensa, precisamente, em utilizar o carro clássico mais vezes no dia a dia, com mais comodidade e luxo.

Artigo relacionado: Carros clássicos: 5 GTI que todos gostavam de ter

As empresas de reconversão podem levar mais longe a intervenção realizada no veículo, para o dotar de equipamentos modernos de acordo com as especificações do cliente. Um Mini da década de 60 com bancos aquecidos e GPS? E porque não?

O processo é reversível

No fundo, trata-se de procurar usufruir do prazer de condução que um clássico oferece, mas de uma forma mais sofisticada e cómoda, sem esquecer que o processo de transformação para elétrico, quando corretamente realizado, é totalmente reversível, podendo o carro histórico voltar ao seu estado original.

Baixo custo de manutenção

Com um carro elétrico, não só poupa no combustível como também vai sentir diferenças na manutenção do veículo. Ao contrário dos automóveis com motores térmicos, que têm vários componentes que acabam por ter um desgaste rápido, os elétricos não sofrem desse mal.

Nos carros a combustão temos o filtro de combustível, óleo de motor, filtro de óleo, correias de distribuição, velas, entre outros elementos que não são necessários num carro convertido para elétrico, logo, o desgaste é muito inferior.

O mesmo acontece com todo o sistema de travagem, que é também alvo de intervenção dos técnicos. Nos carros elétricos, a travagem é regenerativa, ou seja, não só recupera a maior parte da energia para recarregar as baterias, como permite um menos desgaste do sistema de travagem.

Leia também:

Mais artigos da mesma categoria

SUV elétricos que vão ser lançados em 2020

O segmento dos SUV tem vindo a crescer exponencialmente, com os clientes a preferirem esta solução de aspeto robusto que prima por uma posição de…

Carros elétricos novos: o que pode comprar com 50.000€

É verdade que a autonomia limitada, os tempos de espera para recarregar as baterias e o preço de aquisição ainda afastam potenciais interessados, mas a…

Testou um carro elétrico? Já não há volta a dar…

Uma sondagem realizada pela associação dos utilizadores de veículos elétricos do Reino Unido, a Zap-Map, conclui que a larga maioria dos automobilistas que compra um…

Carros elétricos: conheça os incentivos fiscais para 2022

Se está nos seus planos comprar um carro elétrico este ano, saiba que pode candidatar-se ao incentivo do Estado no valor de 4000€ até 30…
X

Quer receber as nossas comunicações por e-mail?

Email Marketing by E-goi

É proprietário de um Stand?

Crie uma Conta Profissional