Carregar carros elétricos preços sobem em maio

5 min

Carregar carros elétricos: preços sobem em maio

O carregamento de um automóvel elétrico nos postos da rede pública vai passar a ser mais caro. Não porque a eletricidade vá aumentar, mas porque vai passar a ser incluída uma taxa, que reverte para a Mobi.e, a entidade gestora da rede de mobilidade elétrica.

Em comunicado, a ERSE informou que aprovou as tarifas a cobrar pela Mobi.e e que serão aplicadas ao Comercializadores de Energia para a Mobilidade Elétrica (CEME), aos Operadores de Pontos de Carregamento (OPC) e Detentores de Pontos de Carregamento (DPC).

Tanto os primeiros, que fornecem energia aos pontos de carregamento, como os segundos, que gerem os equipamentos, passarão a ter de pagar à Mobi.e 0,1657€ por carregamento. Já os DPC, isto é, os proprietários dos locais onde se encontram instalados os postos de carregamento, terão de pagar 0,0385€ por dia por ponto de carregamento.

Estes valores, porém, serão suportados pelos utilizadores dos postos e cobrados na fatura final do carregamento.

Nova taxa representa entre 4 a 8% do valor do carregamento

Segundo a ERSE, as novas taxas irão refletir entre 4 e 8 por cento do que os utilizadores passarão a pagar para recarregar o carro, algo entretanto contestado pela UVE – Associação de Utilizadores de Veículos Elétricos, que considera, em comunicado, que as tarifas anunciadas pela Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos deviam ser revistas.

 

Quanto custa um carro elétrico usado?

 
Segundo a UVE, o valor “deve ser diferente e mais baixo para os carregamentos normais e de curta duração em relação ao valor das taxas a aplicar aos carregamentos rápidos”.

Além disso, a Associação de Utilizadores de Veículos Elétricos observa, no mesmo documento, que “ainda estamos longe do tempo de suavizar os incentivos à transição energética”, considerando a implementação das taxas “injustificável e contraproducente”.

Entre os pontos a rever, a UVE salienta que a aplicação da taxa deverá ser efetuada por energia (kWh) consumida e não por um valor fixo por carregamento. No entanto, defende a mesma associação, “a comparticipação destas taxas deverá prolongar-se, no mínimo, por mais dois anos para compensar o impacto negativo da pandemia”, devendo ser “suportada por fundos públicos afetos à descarbonização da economia e à eletrificação dos transportes”.

Artigo relacionado: Como carregar um carro elétrico em casa

Já sobre a taxa a aplicar ao DPC, a UVE considera que parece “estar de acordo ao benefício que este tipo de equipamento permite para as soluções a instalar em parques comuns com um único ponto de entrega de eletricidade, como são os condomínios”.

“Vivemos um tempo em que não podemos dar sinais contraditórios às pessoas e ao mercado em geral. A retirada de incentivos, como seria o caso do início do pagamento da taxa da EGME pelos utilizadores, visto que na prática será para eles que este custo dos OPC e dos CEME será transferido – aliás, como já foi divulgado entretanto! – é ainda injustificável e contraproducente.”

Portugal entre os líderes da gasolina mais cara

Portugal é o sexto país da União Europeia onde a gasolina é mais cara, revelou um relatório da Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos. E não são só os combustíveis fósseis que são tema quente: recarregar um elétrico na rede pública vai passar, a partir de maio, a ser mais caro, com a introdução de uma nova taxa.

No primeiro trimestre do ano, o preço médio da gasolina 95 simples fixou-se nos 1,50€ por litro, sendo o sexto valor mais elevado entre os 27 Estados-membros da União Europeia. De acordo com a Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE), “o preço praticado corresponde a uma diferença de 55 cêntimos/litro e 17 cêntimos/litro face ao país com os preços mais baratos e ao país com os preços mais caros, respetivamente”.

Quanto ao gasóleo simples, a história repete-se. O preço médio de venda nacional, de 1,32€ por litro, estabeleceu-se acima da média dos 27 Estados-membros da UE, sendo o sétimo mais caro, com uma diferença de 38 e 21 cêntimos/litro face ao país com os preços mais baratos e ao país com os preços mais caros, respetivamente. E, mais uma vez, a razão está nos impostos: “O peso fiscal em Portugal justificou a prática de preços 19 cêntimos/litro mais caros do que em Espanha”, constatou a ERSE que acrescentou que “sem impostos, os preços médios nacionais encontram-se praticamente alinhados aos do país vizinho”.

Artigo relacionado: Qual o peso dos impostos nos combustíveis em Portugal?

Por fim, o gás de petróleo liquefeito (GPL) automóvel foi vendido a um preço médio de 0,67 cêntimos/litro, o que deixou Portugal na sexta posição dos países que reportaram o GPL Auto mais caro na UE, correspondendo a uma diferença de 19 e 17 cêntimos/litro face aos países com os preços mais baratos e com os preços mais caros, respetivamente.

Leia também:

eyJpZCI6IjIyNDIzMjE1NDkzIiwibmV0d29ya0NvZGUiOiIxMDA3ODM3IiwiZWZmZWN0aXZlUm9vdEFkVW5pdElkIjoiNTA5MjI3IiwibmFtZSI6IkFQX0xCX1RvcCIsInBhcmVudFBhdGgiOlt7ImlkIjoiNTA5MjI3IiwibmFtZSI6ImNhLXB1Yi0zMDIzMTkxOTk4Mjg1MTk3IiwiYWRVbml0Q29kZSI6ImNhLXB1Yi0zMDIzMTkxOTk4Mjg1MTk3In0seyJpZCI6IjIwMzU2NTkwOTY3IiwibmFtZSI6IjFfU3RhbmRWaXJ0dWFsIiwiYWRVbml0Q29kZSI6IjFfU3RhbmRWaXJ0dWFsIn0seyJpZCI6IjIxNzg0MTIzODQwIiwibmFtZSI6IlNUVl9ibG9nIiwiYWRVbml0Q29kZSI6IlNUVl9ibG9nIn0seyJpZCI6IjIyNDIxODkyMzI0IiwibmFtZSI6IkJsb2dfRGVza3RvcCIsImFkVW5pdENvZGUiOiJCbG9nX0Rlc2t0b3AifV0sImFkVW5pdENvZGUiOiJBUF9MQl9Ub3AiLCJkZXNjcmlwdGlvbiI6IiIsImlzRmx1aWQiOmZhbHNlLCJpc05hdGl2ZSI6ZmFsc2UsImFkVW5pdFNpemVzIjp7InNpemUiOnsid2lkdGgiOiI3MjgiLCJoZWlnaHQiOiI5MCIsImlzQXNwZWN0UmF0aW8iOiJmYWxzZSJ9LCJlbnZpcm9ubWVudFR5cGUiOiJCUk9XU0VSIiwiZnVsbERpc3BsYXlTdHJpbmciOiI3Mjh4OTAifX0=
eyJpZCI6IjIyNDIzMjIwNDM0IiwibmV0d29ya0NvZGUiOiIxMDA3ODM3IiwiZWZmZWN0aXZlUm9vdEFkVW5pdElkIjoiNTA5MjI3IiwibmFtZSI6IkFQX01yZWNfTW9iaWxlXzEiLCJwYXJlbnRQYXRoIjpbeyJpZCI6IjUwOTIyNyIsIm5hbWUiOiJjYS1wdWItMzAyMzE5MTk5ODI4NTE5NyIsImFkVW5pdENvZGUiOiJjYS1wdWItMzAyMzE5MTk5ODI4NTE5NyJ9LHsiaWQiOiIyMDM1NjU5MDk2NyIsIm5hbWUiOiIxX1N0YW5kVmlydHVhbCIsImFkVW5pdENvZGUiOiIxX1N0YW5kVmlydHVhbCJ9LHsiaWQiOiIyMTc4NDEyMzg0MCIsIm5hbWUiOiJTVFZfYmxvZyIsImFkVW5pdENvZGUiOiJTVFZfYmxvZyJ9LHsiaWQiOiIyMjQyMTg5MTQzMCIsIm5hbWUiOiJCbG9nX01vYmlsZSIsImFkVW5pdENvZGUiOiJCbG9nX01vYmlsZSJ9XSwiYWRVbml0Q29kZSI6IkFQX01yZWNfTW9iaWxlXzEiLCJkZXNjcmlwdGlvbiI6IiIsImlzRmx1aWQiOmZhbHNlLCJpc05hdGl2ZSI6ZmFsc2UsImFkVW5pdFNpemVzIjp7InNpemUiOnsid2lkdGgiOiIzMDAiLCJoZWlnaHQiOiIyNTAiLCJpc0FzcGVjdFJhdGlvIjoiZmFsc2UifSwiZW52aXJvbm1lbnRUeXBlIjoiQlJPV1NFUiIsImZ1bGxEaXNwbGF5U3RyaW5nIjoiMzAweDI1MCJ9fQ==
eyJpZCI6IjIyNDIzNDM3Mjg3IiwibmV0d29ya0NvZGUiOiIxMDA3ODM3IiwiZWZmZWN0aXZlUm9vdEFkVW5pdElkIjoiNTA5MjI3IiwibmFtZSI6IkFQX0xCX0JvdHRvbSIsInBhcmVudFBhdGgiOlt7ImlkIjoiNTA5MjI3IiwibmFtZSI6ImNhLXB1Yi0zMDIzMTkxOTk4Mjg1MTk3IiwiYWRVbml0Q29kZSI6ImNhLXB1Yi0zMDIzMTkxOTk4Mjg1MTk3In0seyJpZCI6IjIwMzU2NTkwOTY3IiwibmFtZSI6IjFfU3RhbmRWaXJ0dWFsIiwiYWRVbml0Q29kZSI6IjFfU3RhbmRWaXJ0dWFsIn0seyJpZCI6IjIxNzg0MTIzODQwIiwibmFtZSI6IlNUVl9ibG9nIiwiYWRVbml0Q29kZSI6IlNUVl9ibG9nIn0seyJpZCI6IjIyNDIxODkyMzI0IiwibmFtZSI6IkJsb2dfRGVza3RvcCIsImFkVW5pdENvZGUiOiJCbG9nX0Rlc2t0b3AifV0sImFkVW5pdENvZGUiOiJBUF9MQl9Cb3R0b20iLCJkZXNjcmlwdGlvbiI6IiIsImlzRmx1aWQiOmZhbHNlLCJpc05hdGl2ZSI6ZmFsc2UsImFkVW5pdFNpemVzIjp7InNpemUiOnsid2lkdGgiOiI3MjgiLCJoZWlnaHQiOiI5MCIsImlzQXNwZWN0UmF0aW8iOiJmYWxzZSJ9LCJlbnZpcm9ubWVudFR5cGUiOiJCUk9XU0VSIiwiZnVsbERpc3BsYXlTdHJpbmciOiI3Mjh4OTAifX0=
eyJpZCI6IjIyNDIzMjIxMTc1IiwibmV0d29ya0NvZGUiOiIxMDA3ODM3IiwiZWZmZWN0aXZlUm9vdEFkVW5pdElkIjoiNTA5MjI3IiwibmFtZSI6IkFQX01yZWNfTW9iaWxlXzIiLCJwYXJlbnRQYXRoIjpbeyJpZCI6IjUwOTIyNyIsIm5hbWUiOiJjYS1wdWItMzAyMzE5MTk5ODI4NTE5NyIsImFkVW5pdENvZGUiOiJjYS1wdWItMzAyMzE5MTk5ODI4NTE5NyJ9LHsiaWQiOiIyMDM1NjU5MDk2NyIsIm5hbWUiOiIxX1N0YW5kVmlydHVhbCIsImFkVW5pdENvZGUiOiIxX1N0YW5kVmlydHVhbCJ9LHsiaWQiOiIyMTc4NDEyMzg0MCIsIm5hbWUiOiJTVFZfYmxvZyIsImFkVW5pdENvZGUiOiJTVFZfYmxvZyJ9LHsiaWQiOiIyMjQyMTg5MTQzMCIsIm5hbWUiOiJCbG9nX01vYmlsZSIsImFkVW5pdENvZGUiOiJCbG9nX01vYmlsZSJ9XSwiYWRVbml0Q29kZSI6IkFQX01yZWNfTW9iaWxlXzIiLCJkZXNjcmlwdGlvbiI6IiIsImlzRmx1aWQiOmZhbHNlLCJpc05hdGl2ZSI6ZmFsc2UsImFkVW5pdFNpemVzIjp7InNpemUiOnsid2lkdGgiOiIzMDAiLCJoZWlnaHQiOiIyNTAiLCJpc0FzcGVjdFJhdGlvIjoiZmFsc2UifSwiZW52aXJvbm1lbnRUeXBlIjoiQlJPV1NFUiIsImZ1bGxEaXNwbGF5U3RyaW5nIjoiMzAweDI1MCJ9fQ==

Mais artigos da mesma categoria

Como funciona o motor de um carro elétrico?

Os carros elétricos passaram, num ápice, de serem aves raras para ocuparem um lugar central no conceito da mobilidade do futuro, mas também já do…

Como carregar um carro elétrico na garagem do condomínio

As reuniões de condomínio conseguem ser o pior pesadelo de muita gente e nem sempre é fácil obter o entendimento entre pessoas que, ainda que…

E as motos elétricas mais rápidas do mundo são…

Os recordes de velocidade sempre foram algo na mente dos fabricantes quer de automóveis quer de veículos de duas rodas. E, agora, com a eletricidade…

Volkswagen lança ID.4 para fazer frente à Tesla

Ainda o lançamento do ID.3 vai no adro – a comercialização em Portugal, por exemplo, acaba de arrancar – e já a Volkswagen lançou para…
X

Quer receber as nossas comunicações por e-mail?

Email Marketing by E-goi

É proprietário de um Stand?

Crie uma Conta Profissional